A resposta sino-russa à crise da Coreia do Norte

Vladimir_Putin_and_Xi_Jinping,_BRICS_summit_2015_01

Publicado originalmente em 03/10/17

China e Rússia vêm empreendendo ações para lidar com a crise de segurança na península coreana. Os dois Estados realizaram no mês de setembro (2017) exercícios militares conjuntos envolvendo submarinos a 100 milhas da costa norte-coreana. Os corpos diplomáticos destes países percebem, no entanto, que a intimidação e balanceamento apenas aumentam as tensões. Adicionalmente, estes países fazem fronteira com a Coreia do Norte, o que naturalmente torna mais cautelosa a sua postura e menor a sua margem de ação.

Continuar lendo

Anúncios

As eleições parlamentares antecipadas na Islândia

1280px-Alþingi_2012-07

Alϸingi, Parlamento Islandês

Publicado originalmente em 29/09/17

A Islândia ficou conhecida recentemente pelo envolvimento de seus políticos no escândalo do Panama Papers, que derrubou o governo do primeiro-ministro Sigmundur Gunnlaugsson. Em janeiro deste ano (2017), Bjarni Benediktsson assumiu a função de Premiê com uma coalizão tripartidária, após as eleições de 29 de outubro, em que os membros dessa coalizão ocuparam 32 dos 63 assentos no Parlamento.

Continuar lendo

Nove países com poder nuclear têm um arsenal de 14.934 armas

1505524987_911757_1505526683_noticia_normal_recorte1

Países que possuem armas reduziram reservas nucleares nos últimos anos, mas multiplicaram investimento

Publicado originalmente em 06/10/17

As armas nucleares estão em poder de nove países. Estados UnidosRússiaFrançaReino UnidoÍndiaPaquistãoChinaIsrael e Coreia do Norte armazenavam no começo de 2017 quase 15.000 dispositivos desse tipo, de acordo com dados do Instituto de Pesquisas para a Paz de Estocolmo (SIPRI).

Esses Estados reduziram suas reservas atômicas nos últimos anos, mas multiplicaram o orçamento e estão em um ambicioso processo de renovação. O Escritório de Orçamentos do Congresso norte-americano anunciou um investimento de 400 bilhões de dólares (1,26 trilhão de reais) durante o próximo decênio e o Parlamento britânico aprovou há um ano, com respaldo de 80% dos deputados, a renovação de seu envelhecido arsenal com um custo inicial de 40 bilhões de libras (165 bilhões de reais).

Continuar lendo

São Tomé e Príncipe alcança a maior taxa de alfabetização dos PALOP

201502041514_palop_660_230

Publicado originalmente em 15/09/17

No decorrer do mês de setembro, o Programa de Alfabetização de Jovens e Adultos (PAJA) de São Tomé e Príncipe divulgou que 90% da população acima dos 15 anos é alfabetizada, representando o melhor índice entre os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP). Contrapõe-se a Moçambique, no qual o nível de analfabetismo é de 44,9%, correspondente a oito milhões de jovens e idosos analfabetos.

Continuar lendo

A Dinamarca é a escolha chinesa para a transição verde

Middelgrunden_wind_farm_2009-07-01_edit_filtered

Parque eólico de Middelgrunden – Øresund

Publicado originalmente em 22/09/17

No início do mês de setembro, a Dinamarca recebeu a visita do Diretor da Administração Nacional de Energia (NEA) da China, Nur Bekri, que se reuniu com o Ministro da Energia e Clima do país, Lars Christian Lilleholt, para tratar de assuntos referentes a energia verde.

A China é o maior emissor de gases de efeito estufa do mundo e planeja diminuir sua cota de poluição mediante a transição da matriz de carvão e petróleo para a energia verde. Para tanto, Pequim busca a tecnologia dinamarquesa com o objetivo de integrar cerca de 20% de sua matriz eólica, a qual apresenta carência de flexibilidade, e para a efetuação de mudanças com a diminuição do consumo de energia não fóssil até 2020.

Continuar lendo

Por mais um ano, mulheres ficam sem Nobel de ciência

prêmio-nobel

Homens ganharam 97% das premiações em campos científicos desde 1901

Publicado originalmente em 04/10/17

Por mais um ano, nenhuma mulher foi premiada com um prêmio Nobel científico. Três homens ganharam o de Medicina na segunda-feira, outros três receberam o de Física na terça, e finalmente mais três foram anunciados no de Química, nesta quarta. Desde 1901, quando o Nobel foi instituído, as mulheres foram premiadas em 18 ocasiões, e os homens em 581. Elas receberam apenas 3% dos prêmios Nobel de ciências.

Continuar lendo

CIDH convoca Argentina para audiência sobre direitos trabalhistas

30582132546_7818274167_o

Publicado originalmente em 02/10/17

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), vinculada à Organização dos Estados Americanos (OEA), agendou para o dia 24 de outubro de 2017 uma audiência pública sobre a situação da Justiça do Trabalho e dos direitos sindicais na Argentina. A sessão, para qual o governo foi convocado, havia sido solicitada por sindicatos e organizações de direitos humanos, a exemplo da Central de Trabalhadores Argentinos (CTA de los Trabajadores), a Associação de Advogados e Advogadas Trabalhistas (ALL) e o Centro de Estudos Legais e Sociais (CELS). Os sindicatos argentinos levaram a denúncia também à Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Continuar lendo