FAO: Ação contra a Desertificação


Publicado originalmente em: 26/02/2016

Durante a próxima década, 50 milhões de pessoas podem ser deslocadas pela desertificação – resultado das mudanças climáticas e do esgotamento dos recursos naturais. A “Ação contra a Desertificação”, uma iniciativa do Grupo de Estados da África, Caribe e Pacífico (ACP), é implementado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), com a contribuição financeira da União Europeia.

O objetivo é restaurar a produtividade das florestas e paisagens degradadas e melhorar a capacidade de resiliência das pessoas às mudanças climáticas em 6 países da chamada “Grande Muralha Verde” da África, bem como no Haiti (Caribe) e nas Ilhas Fiji (Pacífico).

Fonte: ONU Brasil

Uma resposta em “FAO: Ação contra a Desertificação

  1. Desertificação, tema que engloba escassez de água, crescimento econômico, aquecimento global, meio ambiente, guerras civis, migração da população. Por isso, a grande importância de investimentos em ações contra a desertificação.
    Regiões como norte da África são naturalmente regiões de climas quentes e onde o recurso hídrico é desfavorável e, historicamente são regiões de independência tardia, logo a preocupação de um governo por seu país e sua população foi atrasada, sendo locais subdesenvolvidos. O esgotamento de recursos naturais e piora climática só agravam a situação de baixo crescimento econômico, que gera péssimos investimentos básicos como educação, saúde, segurança, tornando um ambiente propício a guerras civis e, consequentemente a procura dessa população por lugares melhores de se viver, tornando inúmeros migrantes. Uma situação caótica, em que outros países devem se atentar.
    Ações contra a desertificação são cruciais para a mudança de todo patamar desses países, com a iniciativa do projeto Muro Verde e investimento na capacidade de resiliência das pessoas, melhorariam a produtividade, com melhores condições ambientais e práticas governamentais, assim a população seria alimentada, além de gerar oportunidades de empregos e rendas, movimentando toda a economia dos países que investiria na população, trazendo um crescimento econômico e social. Espera-se que essa iniciativa seja aplicada para que menos os países sofram com a atual situação.

Comente esta notícia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s